Crianças autônomas, adultos independentes!

COMO MONTAR UM QUARTO MOTESSORIANO PARA SEU BEBÊ

Cada vez mais os pais vêm criando os filhos de forma autônoma, para que eles possam se desenvolver mais rapidamente.

No século XIX, a italiana Maria Montessori desenvolveu o método Montessori para proporcionar espaços mais práticos e dinâmicos para a evolução das crianças, estimulando seu aprendizado, respeitando o desenvolvimento social e neurológicos.

“A base desse método é deixar todos os objetos de uso da criança disponíveis numa altura própria para o alcance dela, para que tenha estímulo para fazer suas atividades de forma mais independente.”

Confira os pontos principais que um quarto Montessoriano ideal precisa ter.

Cama montessoriana

Um dos pontos principais para montar um quartinho com esse método para o seu filho é a cama, que fica diretamente no chão ou numa base baixa para que a criança possa subir e descer sozinha, sem o auxílio de um adulto. A maioria dos modelos segue um formato de casinha, com estrutura de madeira, que combina com diversos estilos de decoração, além da praticidade. Enquanto a criança for menor, é possível deixar um protetor lateral, como um cercadinho baixo, também de madeira, para garantir maior segurança e servir até de apoio para a criança subir quando for crescendo.

Cômodas, prateleiras e ganchos

Outro ponto importante a ser observado na hora de decorar o quarto seguindo o método montessoriano se refere ao uso de cômodas e prateleiras que estejam ao alcance dos pequenos para que eles possam guardar brinquedos e livros e consigam arrumar os objetos depois de usarem, entendendo que tudo tem o lugar certo para estar e criando disciplina de forma simples.

As prateleiras, principalmente as próprias para colocar livros, podem proporcionar uma área do quarto só para a leitura, se houver espaço disponível. Estimulando a criança a pegar os objetos apropriados para sua faixa etária e o desenvolvimento cognitivo, e aproveitando aquele espaço de forma lúdica.

Os ganchos servem para pendurar a mochila da escolinha ou a roupa que vai usar no dia, assim como roupões ou até brinquedos.

Espelhos

Deixar espelhos na altura da criança também é muito bem vindo para o desenvolvimento, principalmente se ela estiver aprendendo a andar, para que possa se enxergar e se identificar melhor.

Guarda-roupas/ armário

Assim como as prateleiras, os armários ou guarda-roupas devem ficar numa altura em que a criança possa olhar todas as peças facilmente e, assim, escolher o que vai vestir sozinha.

Estimule o senso deles colocando peças de diversas cores e modelos em seu armário.

Barra na parede

Para crianças que estão aprendendo a andar, além do espelho, é uma ótima ideia colocar barras na parede. Elas podem ser de madeira, mantendo o mesmo estilo do restante do quarto. Numa altura que a auxilie a levantar sozinha e caminhar por alguns trechos do quarto com esse apoio. O mais importante é lembrar de utilizar formatos e materiais que não sejam prejudiciais à criança, para evitar acidentes.

Tapete

Outro ponto que traz conforto e ainda mais dinamismo ao quarto montessoriano é a utilização de tapetes, principalmente com texturas e cores que permitam a criança descobrir novas sensações.

Pode misturar diversos tipos de materiais como e.v.a, que possui diversos tapetes interativos, até aqueles mais peludos ou macios, que ainda deixam o ambiente mais aquecido, além de permitirem um local em que a criança pode sentar e brincar de forma confortável.

Mesa para atividades

O ideal no método Montessori é deixar tudo ao alcance dos pequenos, então a mesa não poderia ser diferente. Utilize uma altura em que permita a criança utilizar sentada ou em pé, para apoiar os brinquedos, ler ou realizar atividades de pintura ou escrita.

Assim, ela pode ter mais autonomia nas suas atividades, de forma espontânea e criativa.

Adaptações com o tempo

Conforme os pequenos vão crescendo, o quarto com o método Montessori aplicado permite que você modifique a disposição dos móveis, adaptações na cama, para que fique mais confortável para a criança, acompanhando seu crescimento e desenvolvimento.

Protetores de tomada

É de extrema importância priorizar a segurança da criança em seu quartinho, já que é um lugar que ela vai passar boa parte do tempo, com curiosidade de descobrir novos pontos no espaço. Então, sempre proteja as tomadas com uma capinha, para evitar acidentes, e garantir mais tranquilidade a todos.

Móbiles e luzinhas

Para deixar o quarto ainda mais lúdico e criativo, utilize luzinhas, no estilo das que usamos no Natal, mas em formatos diversos e criativos, deixando a decoração ainda mais especial. Os móbiles também criam mais pontos de interesse para estimular a curiosidade e percepção das crianças. Você pode fazer um móbile manualmente mesmo, além dos diversos modelos disponíveis no mercado.

Tanto as luzinhas quanto os móbiles podem ser dispostos em cima da cama, na parede ou em algum ponto que você queira focar no ambiente.

Parede-lousa

Quem tem contato com crianças sabe que elas são curiosas, como devem ser mesmo, nos primeiros anos da infância, descobrindo suas habilidades e criando percepção do espaço. Para isso, uma ideia para deixar a criança livre para criar, mas delimitando uma área específica para isso, já ensinando alguns limites, é criar uma parede-lousa. Ela pode ser feita com tinta preta, utilizando giz de lousa mesmo para rabiscar, ou com alguma tinta lavável, onde a criança pode utilizar diversos materiais para se expressar. Hoje em dia são diversas opções no mercado para te ajudar nessa etapa.

Brinquedos

Crianças precisam de brincadeiras e estímulos diversos, para se desenvolverem de forma mais completa.

No método Montessori são utilizados brinquedos simples, feitos com materiais naturais e que estimulem ainda mais a criatividade das crianças, fantasiando e inventando novas formas de brincar com os mesmos objetos.

Lembre sempre de disponibilizar brinquedos que sejam adequados às idades dos pequenos, para que eles possam ir se desenvolvendo de forma adequada, sem pular etapas.

Aproveitando o tema brinquedos, vale ressaltar que o ambiente deve estar sempre organizado, dispondo os objetos de uma forma que a criança possa acessar e depois guardar no lugar correto, já adquirindo o hábito de organização e responsabilidade.

Decoração

“O quarto montessoriano permite uma decoração bem dinâmica e prática, que pode acompanhar por muitos anos do seu filho, sem precisar de grandes modificações.”

Os principais móveis utilizados são produzidos em madeira crua, com seu tom bege mais neutro, que combina com diversas cores e estampas. Como é um método que prioriza a liberdade criativa das crianças, o ideal é utilizar sempre estampas neutras, cores que combinem com suas personalidades ou com o estilo decorativo da casa.

Você pode utilizar cinza claro e tons claros nas paredes, para harmonizar com o tom da madeira dos móveis. Papéis de parede ou ilustrações podem deixar o espaço ainda mais autêntico e criativo, estimulando a criança a apreciar arte. Temas como nuvens ou arco-íris também combinam muito com o estilo do quarto montessoriano. Assim como animais e estrelas, que podem aparecer em detalhes nas paredes ou móveis, pintados a mão ou nos papéis e tecidos de parede.

Para decorar a cama, você pode utilizar as estampas e cores nas colchas ou cobertores, tornando o ambiente ainda mais aconchegante.

Outra forma de deixar o quarto mais criativo é usar cabaninhas, de tecido, muito comuns hoje em dia. Que pode servir de cantinho da leitura ou espaço de brincadeiras.

Além dessas ideias, é um formato de ambiente que te permite explorar a criatividade, do seu jeito. Lembrando sempre do maior propósito desse método, que é priorizar a autonomia da criança. Seguindo essas dicas, você será capaz de deixar o cantinho dos pequenos mais prático para toda a família, estimulando o crescimento e desenvolvimento motor e cognitivo deles, de forma mais eficaz e natural.

Já conhecia esse método? Conte para nós o que achou das dicas.

Queremos saber sua opinião!